Ir para o conteúdo principal
Ajuda (nova janela)
Logon

Paulo BilykCIO

Paulo A. P. Bilyk é o chief investment officer da Rio Bravo, além de ter sido um dos sócios-fundadores da empresa em 2000.  Nessa função Paulo coordena todas as 6 estratégias de investimentos oferecidas pela Rio Bravo a seus clientes: Renda Variável, Crédito, Investimentos Imobiliários e Multi-Assets e Portfolios.

Ele é membro da diretoria executiva da empresa e de seu comitê de remuneração, ao lado de Carlos Henrique Zanvettor (CEO), Mario Fleck (CCO) e Gustavo Franco (Estrategista Chefe)
Anteriormente, Paulo foi sócio e diretor executivo do Banco Pactual (atualmente BTG Pactual), onde dirigiu o departamento de finanças corporativas, que passou a integrar em 1992 como associado. Nessa atividade Paulo assessorou grandes e médias empresas no Brasil em aquisições e vendas de ativos, operações de mercados de capitais e reestruturações de dívidas.

Antes do Pactual, trabalhou de 1987 a 1989 na área de operações internacionais da Itautec Informática, uma das principais empresas na área de sistemas de informação no Brasil, lidando com assuntos relacionados ao Departamento de Comércio norte-americano e participando da equipe que deu início a uma joint venture da empresa com a IBM para a comercialização do sistema AS/400 no Brasil.

Desde 2010 Paulo é membro do conselho supervisor da Fletcher School of Law and Diplomacy da Tufts University e desde 2012.

Paulo participa da organização não-governamental Parceiros da Educação, através da qual o setor privado tenta ajudar a melhorar a qualidade da escola pública, é presidente da AME Campos – Associação dos Amigos de Campos do Jordão e é conselheiro do Instituto ABCD que apoia iniciativas educacionais para jovens com dislexia.

Paulo também representa o Brasil no conselho do Incheon Center for International Cooperation and Exchange (ICICE), uma organização não- governamental e sem fins lucrativos que visa promover a internacionalização da cidade de Incheon, na Coréia do Sul.

Paulo Bilyk formou-se em administração pública pela Fundação Getúlio Vargas de São Paulo, em 1988, e concluiu seu mestrado pela Fletcher School of Law and Diplomacy em 1992.