Estamos mudando de site!
Para navegar no site antigo ou ver nossa lista de fundos: Acesse aqui

artigos

Dicas da Semana – a inclusão começa por você

Em julho temos 4 datas importantes que celebram a diversidade e inclusão:

13 – DIA DO ESTATUTO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE

 O ECA foi instituído pela Lei 8.069, de 1990, e regulamenta os direitos das crianças e dos adolescentes inspirado pelas diretrizes fornecidas pela Constituição Federal.O Estatuto estabelece os direitos e deveres de menores de 18 anos e protege as crianças e adolescentes em todo o país, principalmente nas áreas de educação, saúde, trabalho e assistência social.

Nenhuma criança ou adolescente pode sofrer maus tratos: descuido, preconceito, exploração ou violência. Os casos de suspeita ou confirmação de maus tratos devem sempre ser comunicados a um Conselho Tutelar, órgão ligado à prefeitura e formado por pessoas da comunidade.

Ao presenciar casos de abuso, preconceito, discriminação e violência, denuncie através do número – 100 – Direitos Humanos.

14 – DIA DA LIBERDADE DO PENSAMENTO

A data garante que o indivíduo defenda a sua ideia ou posição em relação a um fato ou um ponto de vista. No artigo 18 da Declaração Universal dos Direitos Humanos, promulgada pela ONU (Organização das Nações Unidas), em 10 de dezembro de 1948 diz:

“Toda pessoa tem direito à liberdade de pensamento, consciência e religião; este direito inclui a liberdade de mudar de religião ou crença e a liberdade de manifestar essa religião ou crença, pelo ensino, pela prática, pelo culto e pela observância, isolada ou coletivamente, em público ou em particular”.

14 – DIA INTERNACIONAL DAS PESSOAS NÃO-BINÁRIAS

Essa data foi comemorada pela primeira vez em 2012 e tem como objetivo conscientizar e organizar os problemas enfrentados por indivíduos não-binários em todo o mundo.

Pessoas não-binárias não se identificam com a binariedade de gêneros:  homem ou mulher, masculino ou feminino. Elas podem se identificar com ambos, com nenhum, fluir entre eles. Diversas identidades de gêneros podem ser abrigadas no termo guarda-chuva da não-binariedade:

25 – DIA DA MULHER NEGRA LATINO AMERICANA E CARIBENHA

A data reforça a luta e resistência da mulher negra por sobrevivência em uma sociedade estruturalmente racista, misógina, machista.

No Brasil, a data também é celebrada pelo Dia Nacional de Tereza de Benguela. Tereza de Benguela foi uma líder quilombola de destaque que resistiu à escravidão durante duas décadas no século XVIII, lutando pela comunidade negra e indígena que vivia sob sua liderança.

Lembre-se: a diferença está no detalhe, empatia é fundamental e sempre é tempo de mudarmos nossa forma de pensar e agir.

Aguarde, na próxima sexta-feira, mais dicas para você.

Conteúdos relacionados

O melhor da semana para você – 24/05/2024
24/05/2024
O melhor da semana para você – 24/05/2024

Artigo: Don’t Believe the AI hype Um dos temas mais quentes no último ano tem sido os avanços...

Podcast 803 – Adalberto Fazzio: “Os alunos têm de aprender a questionar”
24/05/2024
Podcast 803 – Adalberto Fazzio: “Os alunos têm de aprender a questionar”

No episódio desta semana, nosso convidado é Adalberto Fazzio, doutor em Física pela USP,...

Quer saber mais?

Cadastre-se para receber informações sobre nossos fundos